Cheval Des Andes 2006 Evolução: Vinho para Guardar

96

Extraordinário

Cheval des Andes, Mendoza, Argentina
LVMH

Tinto

Pierre Lurton, do Château Cheval Blanc, e Manoel Louzada, da Terrazas de los Andes, responsáveis por essa obra-prima, podem dizer Ai Suma (algo como "cheguei lá", em latim). Uma alusão à quase perfeição atingida na elaboração desse vinho. O 2005 foi degustado ao lado deste 2006. Dois excepcionais vinhos, mas, o 2006 é mais profundo, refinado e elegante. No nariz, nota-se o equilíbrio. A sensação é que tudo foi milimetricamente projetado. A madeira está deliciosa e integrada com a fruta madura (framboesas de sobra). Na boca, é explosivo. Excelentes taninos, ótima acidez, muita presença, elegância e finesse. O mais Bordeaux de todos os vinhos da América do Sul. Não há dúvida que também é o mais espetacular de todos os Cheval des Andes. Ele é a mais plena afirmação de que 2006 foi uma safra espetacular em Mendoza. Obra de arte colecionável, que deve ser degustada daqui a três anos. Consumo 2012/2025. LGB

Degustado em 08/04/2009 por LGB

Todas safras Cheval Des Andes

Veja todas safras Cheval Des Andes »

Todos vinhos de Cheval des Andes

Veja todos vinhos produzidos por Cheval des Andes »

Todos vinhos de Mendoza, Argentina

Veja todos vinhos de Mendoza »

Todos vinhos Argentinos

Veja todos vinhos Argentinos »